• Marcos Nogueira

3 ingredientes: o melhor e mais fácil molho de tomates do mundo


Decidi fazer desta receita meu primeiro post porque o título que eu dei para este texto é absolutamente verdadeiro: o molho é fabuloso e até um chimpanzé bêbado conseguiria cozinhá-lo. E também porque ela fez um sucesso enorme no meu blog anterior, o Bar do Nogueira – eu gostaria de dar link para o texto aqui, mas não renovei o domínio, que foi comprado, sei lá por que, por um salão de manicures chinês.

Antes de começar, os devidos créditos. Esta receita apareceu primeiro no livro Fundamentos da Cozinha Italiana Clássica, escrito pela mamma Marcella Hazan e usado como referência por cozinheiros do mundo todo. Assim, também circulou por vários blogs gringos antes de eu publicá-la em português. Em minha defesa, eu argumento que tenho o livro desde mil e novecentos e guaraná de rolha e preparava o molho antes de saber o que é internet.

A beleza deste molho de tomate é a sua simplicidade. Nada precisa ser refogado, não é necessário observar atentamente o cozimento, não tem jeito de dar errado. São só três ingredientes: tomate, cebola e manteiga, mais sal e pimenta. Tem também o macarrão, é claro, mas aqui estamos tratando do molho.

Não vou me dar ao trabalho de redigir a receita com quantidades e modo de fazer porque, na verdade, tanto faz. Então vamos lá.

Você pega uma panela de fundo grosso e coloca nela todos os ingredientes. Calma, não ligue o fogo ainda. Se você tiver tomates maduros e doces, use-os. Mas eu costumo fazer com tomates em lata (gosto da marca Mutti) com resultados ótimos. Uma lata dá bem para duas porções. Descasca um cebola e a joga nos tomates – inteira ou meia, como quiser. Daí pega uma colherada de manteiga boa sem sal (recomendo a Roni), sal a gosto e liga o fogo.

Cozinhe em fogo baixo e com a panela destampada, até o molho engrossar e a gordura separar, formando umas piscininhas na superfície do molho. A cebola, que a essa altura já vai ter soltado todo o seu sabor, você descarta (mas não tem nenhum problema ser você quiser comê-la). Ajuste o sal, tempere com pimenta-do-reino e sirva com a massa de sua preferência. Aqui, fiz um ravióli de queijo minas padrão (publico a receita um dia destes).

Posts recentes

© 2023 by Salt & Pepper. Proudly created with Wix.com